Como vencer os medos

Marcio Ferraz      quinta-feira, 23 de março de 2017

Compartilhe esta página com seus amigos

As verdades que ninguém nunca te revelou como vencer os medos

como-vencer-o-medo

As redes sociais, as mídias de TV e demais canais que fazem publicações e marketing, tem difundido o “Medo” nas pessoas.

E as notícias de violência, crise financeira, falta de emprego, doenças e muitos outros tipos de conteúdos que não agregam contribuem ainda mais para fixar este problema nas pessoas.

Tenho visto muitas pessoas com potenciais incríveis, que estudaram anos para realizar um sonho, com habilidades fantásticas, pessoas experientes, deixarem seus objetivos para trás por causa deste “Medo” que futuramente pode se transformar em fobias.

Neste texto quero compartilhar com você algumas verdades sobre como vencer os medos que ninguém nunca te revelou e ainda mais, vou mostrar para você:

  • O que faz as pessoas sentirem medo?
  • Você entende o seu medo?
  • Como identificar o seu medo?
  • Como eliminar os medos?
  • O meu maior medo é...
  • As 6 Técnicas para se livrar dos medos (A 4ª é a melhor e me ajudou muito)
  • Tomando uma Ação! Superando seus medos

Gostou do assunto e do que está por vir? Fique aqui e continue lendo que este texto vai ajudar muito você com relação aos seus medos.

E no final vai entender como superá-los ainda hoje.

 

Entenda um pouco sobre os medos

As pessoas tem o desejo de ser bem sucedidas, ter sucesso, ter uma qualidade de vida muito boa e sempre estar em busca da felicidade.

A vontade de sentir um prazer inesgotável e ter um motivo de satisfação por algo bom que esteja acontecendo.

No entanto, o medo e a insegurança transformam estes desejos em algo distante de ser alcançado e barreiras são criadas que impedem que a vontade em alcançar o sucesso, a qualidade de vida, o algo bom fique para trás e diminua sua intensidade.

Eu quero abordar alguns tipos de medos que as pessoas criam que impedem de alcançar seus objetivos, as crenças que limitam e o que impedem as pessoas agirem em direção à mudança para algo melhor.

 

O que faz as pessoas sentirem medo?

superar o medo

Normalmente o que faz as pessoas sentirem medo é o resultado que pode ser provocado dependendo da ação que ela tomar.

Para podermos entender um pouco melhor vamos dar alguns exemplos. O medo é pessoal, pois o que me assusta, pode não assustar você. Ponto.

Você pode ter medo de altura, de escuro, de apresentar um trabalho em uma reunião da empresa. Mas o problema pode não ser o escuro, a altura, a apresentação em si.

Este problema pode não ser necessariamente a situação, a pessoa ou um objeto, mas a forma como você percebe esta situação, pessoa ou objeto. Entendeu?

Por exemplo, uma pessoa em seu local de trabalho, precisa apresentar um projeto muito importante em uma reunião de negócios. Tudo bem até aqui? Ok.

Vamos refletir:

O problema desta pessoa seria o que ela vai falar sobre seu projeto?

Ou o Pânico, o medo seria o que ela “pensa que pode acontecer?”

Veja este exemplo: “E se não gostarem da minha apresentação, e se meu projeto for reprovado, e se meu chefe me demitir”. O que vão pensar de mim?

Para compreender o medo, é preciso entender que todos os medos surgem da preocupação a respeito do que poderá acontecer, a consequência do ato, e não o ato em si.

Eu chamo estes medos de “Sindrome do E se?”

É muito comum as pessoas sofrerem por antecedência.

A partir do momento que entendemos e compreendemos estes medos fica muito mais fácil de superá-los. Porém...

 

Você entende o seu medo?

Quando você sente medo, o seu corpo se prepara para “lutar ou fugir”.

São duas as possibilidades: enfrentar a situação e lutar com ela ou sair correndo e fugir.

Sabe o que isso gera em seu corpo? Adrenalina!

O seu cérebro é bombardeado de informações e isso faz ele trabalhar intensamente.

As sensações podem ser as mais diversas como tremores, dores nos braços e nas pernas.

Os sentidos recebem tanta informação além do que está acostumado a administrar e o nosso cérebro não consegue filtrar tanta informação e acaba ficando mais vigilante, desta forma a sensibilidade é bem maior ao que acontece ao nosso redor.

 

Medo Físico e Medo Emocional

 

O medo físico é quando há uma ameaça de se machucar ou até ameaça de morte. No entanto, o medo emocional envolve reações do corpo.

Por exemplo, o medo de falar em público.

Nesta hora o corpo tem sensações de coração disparando, mãos frias ou suadas, acelera a adrenalina e estas sensações são tão fortes que muitas pessoas não conseguem nem falar, ficam paralisadas diante de outras pessoas.

Sentir medo é uma reação muito natural do nosso cérebro e uma forma de alerta para possíveis situações que envolvem um perigo.

Enfim, ter medo é muito normal, porém, em excesso pode atrapalhar o seu desenvolvimento no dia-a-dia, seja ele pessoal ou profissional.

Quem tem muito medo das coisas tem reações para evitar a qualquer custo ter contato com o objeto que lhe causa esta dor.

Por conta disso, é possível que a relação pessoal com outras pessoas pode ser prejudicada.

 

Como identificar o seu medo?

 

Para identificar o seu medo é preciso fazer uma reflexão sobre eles. Ter a chance de lidar com seus medos de forma racional.

Os seus medos te protegem contra algo que pode te machucar, levar a morte ou até mesmo sentimentos relacionados a mágoas?

Se a sua resposta foi “Sim”, você é considerada uma pessoa extremamente normal.

Porém, é preciso saber se os seus medos, impedem de se relacionar com as pessoas e faz com que você tenha privações de viver momentos interessantes dos quais você sente vontade de participar e isso de forma constante.

Se a sua resposta neste caso foi Sim. Faça uma reflexão para melhorar sua qualidade de vida. Esta constância pode ser considerada uma Fobia.

Segundo a psicologia, quando a pessoa chega neste estágio, a mente humana já estabeleceu os chamados “pensamentos automáticos”.

Ou seja, toda vez que você, caso tiver uma fobia, entra em contato com a situação repetidamente, uma informação automaticamente chega ao seu cérebro e o corpo em resposta a esta informação tem reações com sensações desconfortáveis e tenta de qualquer forma se afastar daquele “perigo”.

 

Como eliminar os medos?

perder o medo

Muitas pessoas na tentativa de se curar desses medos recorrem a diversas formas como: terapias, religiões, remédios, entre outras formas de métodos para ajudar a se livrar deste sentimento.

Para mudar este sentimento, além de entendê-lo, é muito mais simples do que se costuma pensar. O método mais comum é o enfrentamento e o uso da força de vontade e praticar de forma gradativa uma nova forma de pensar, que consiste em criar novas e boas memórias sobre esses medos.

Com o tempo, a mente começa a absorver aquela nova informação e aprende que nem sempre aquela situação exige um estado de alerta.

Aos poucos aquele comportamento de se afastar, aquilo que era automático, começa a gerar novas sensações, os comportamentos ficam diferentes e mais tranquilos.

 

Quais são os medos mais comuns? Qual é o seu?

Agora vamos listar alguns medos que são considerados os mais comuns entre as pessoas e vamos entender um pouco mais sobre cada um deles. Se você se identificar com algum deles, deixe seu comentário abaixo sobre ele e o que fez para tentar superá-lo.

#1 Medo Social

qual o seu medo

Este tipo de medo é quando a pessoa evita interagir com outras pessoas com o receio do que vão falar ou de algum julgamento que poderão fazer dela.

É um medo muito comum da sociedade, consiste cerca de 12% da população mundial e também é pouco tratado e muito menos superado. Segundo pesquisas, esse é o único medo que supera o da morte.

Sintomas:

Quem sofre deste tipo de fobia (medo constante) tem dificuldades em se apresentar em público, paquerar alguém, falar em público, ir a festas ou simplesmente conversar com as pessoas.

#2  Medo de Altura

medos e fobias

Conhecido também como acrofobia e 5% da população mundial sofre deste medo.

Sintomas:

Quem possui este medo, evita a qualquer custo, lugares altos e podem sofrer vertigem e a necessidade de se agarrar a algum ponto mais estável ou simplesmente não andam e podem até se deitar.

Em parques de diversões, será muito difícil ir em brinquedos mais radicais e que sejam mais altos.

#3  Medo de Falar em Público

medo de falar

Para algumas pessoas ter uma ou duas pessoas na sua frente, já é considerado uma multidão. A dificuldade é a mesma para outra pessoa que precisa falar, por exemplo, para cem pessoas.

Este medo pode ser superado muito facilmente. Esta dificuldade pode ter sido causa de algum trauma e outras podem não ter tido a oportunidade para falar.

Nada do que treinar esta habilidade e começar aos poucos conversando e expondo suas ideias para conseguir superar este desafio, tão difícil para algumas pessoas.

# 4 Medo de lugares fechados

Pessoas que tem medo de ficar em lugares apertados, com pequeno espaço, como elevador ou cômodo sem janelas. Esta dificuldade de estar nestes lugares é chamada de claustrofobia.

Um dos sintomas é a sensação de compressão, como se o ambiente estivesse encolhendo. Outras pessoas tem esta mesma sensação em lugares com muita gente, como uma passeata, por exemplo.

#5 Medo Bobo

É chamado medo “Bobo”, aqueles medos que nós não deveríamos ter.

São aqueles que assim que são superados, percebe que não houve tanta dificuldade para enfrentá-lo.

Este tipo de medo podem nos limitar no trabalho, em um relacionamento, em situações familiares ou até com amigos.

Algumas vezes é preciso o acompanhamento de um profissional da área da psicologia para identificar o sentido deste medo e entender a causa, o histórico, quando tudo começou.

Além desses medos que citamos, existe muitos outros que se fossemos detalhar cada um deles aqui não terminaríamos de escrever este artigo.

A questão principal é como você consegue vencer este medo?

Ou melhor, o que você pode fazer para superar esta dificuldade que muitas vezes é responsável por paralisar nosso corpo e perdemos diversas oportunidades em nossa vida.

 

O meu maior medo é...

o medo

 

Você sabe qual é o meu maior medo?

É perceber que o tempo passou e não consegui contribuir em nada para ajudar as pessoas. Deixar um legado para pessoas que compartilharam meus conhecimentos e as experiências que aprendi ao longo dos anos.

É ver o tempo passar e deixar de fazer coisas que tinha vontade de fazer e na hora H, não fiz por medo ou receio de alguma coisa.

Descobrir depois de velho que eu fui mais um na estatística que não fez a diferença fui medíocre, ou seja, se mantive na média da maioria.

A medida que você vai envelhecendo, você começa a perceber melhor as coisas e dar mais valor para o simples. O importante é superar estes medos e ficar na memória do outro como exemplo de superação.

Com o passar dos anos fui aprendendo a lidar com alguns medos e pratico algumas técnicas que me fazem superá-los e descobri 6 técnicas essenciais que me ajudaram e podem ajudar você.

Continue lendo para descobrir qu ais são elas logo a seguir.

 

6 Técnicas para se livrar dos medos (A 4ª é a melhor e me ajudou muito)

como lidar com o medo

Neste momento, quero compartilhar com você as 6 técnicas que aprendi em meus estudos e pesquisas e que algumas ferramentas do processo de coaching me ajudou a superar alguns de meus medos e olhar para frente.

Quer aprender a superar seus medos de formas bem simples e que qualquer pessoa possa praticar?

Veja esta lista e pratique qualquer uma destas técnicas e você certamente sentirá um alivio neste mal que absorve a maioria das pessoas.

#1 - Respiração

Você sabia que a respiração é uma parte responsável pelo relaxamento do nosso corpo?

Ela tem o poder de influenciar diretamente no corpo e mexer com o estado emocional da pessoa.

Nesta técnica faça o seguinte:

- Respire fundo, porém, bem devagar, sinta o ar encher os seus pulmões e solte bem lentamente;

- Repita este procedimento pelo menos umas 5 vezes. Perceberá um estado de relaxamento e tranquilidade.

Mantendo este estado de relaxamento, passe para a próxima técnica.

#2 – Visualização

A próxima técnica é a visualização, que se for feita corretamente vai sentir um alívio bem significativo e a superação estará bem próxima.

Agora é o ponto X da técnica, após relaxar respirando fundo, imagine de forma nítida aquela situação que lhe causa medo e enfrentando este obstáculo e se sentindo curado.

Esta é a primeira forma de se livrar dos seus medos. Vamos para a próxima...

#3 – Túnel do Tempo

Com os mesmos procedimentos de respiração para o relaxamento, o seu cérebro conseguirá absorver de uma forma mais tranquila todas as sensações e estímulos provocados pelas técnicas.

Busque em seus pensamentos, volte no tempo, vá para o seu passado, onde possivelmente foi a causa dos seus medos e nesta hora tranquilize sua mente, e deixe para trás o que passou.

Aos poucos, avance no tempo e comece a visualizar esta situação que lhe causou o medo bem distante até chegar no momento presente, imaginando a superação do medo e visualizando um futuro com a cura total de qualquer sofrimento em relação a esta dificuldade.

#4 – Perguntas de Coaching

perguntas coaching

Você sabe o que o Coaching?

O coaching é um processo de aprendizagem que ajuda a pessoa a encontrar o melhor caminho para vida dela.

Ajuda você a aprender a se conhecer profundamente, através do autoconhecimento e com ferramentas e perguntas poderosas ajuda você a superar seus medos, traumas, desperta habilidades e projeta ações que você possa alcançar seus objetivos e sonhos.

Você pode se organizar e montar estratégias para superar seus medos usando perguntas de coaching que ajudarão a entender o que está acontecendo com você, e aprender de fato, o que está acontecendo com você e encontrar o caminho possível para a superação e cura dos medos.

#5 – Dessensibilização

A dessensibilização é uma técnica que consiste em enfrentar o medo, lutando contra ele, se expondo gradualmente, aos poucos, sempre respeitando os limites desse contato. Em alguns casos, uma forma de contato do que é ameaçador pode ser apenas por foto inicialmente. É um tratamento muito utilizado na cura de fobia, uma abordagem do ramo da psicologia chamada cognitiva comportamental.

#6 – Modelagem

Esta Técnica utilizada pela PNL (Programação Neurolinguistica) que consiste na observação da pessoa que é bem sucedida naquilo que você deseja alcançar.

Neste caso, é feito da seguinte forma, se você tem medo de alguma coisa, comece a observar pessoas que não possuem este medo e veja como ela lida com esta determinada situação que lhe causa o medo.

Observe a postura corporal, observe a respiração, procure saber o que ela pensa sobre o tema e como ela se sente em relação a esta dificuldade.

 

Tomando uma ação! Superando seus medos

enfrentar o medo

Cada medo deve ser trabalhado na sua causa. Portanto, é necessário o uso de técnicas especificas de enfrentamento ou a possibilidade de trabalhar o autoconhecimento.

Quer aprender a superar seus medos?

Você tem 3 opções:

  1. Você pode ignorar este texto e continuar sofrendo com seus medos. Perder todas as oportunidades que a vida lhe oferece com a paralisia do medo.
  2. Pode tentar executar estas técnicas que lhe ensinei sozinho. Trabalhar seus medos com sua força de vontade e comprometimento
  3. Ou pode ser ajudado a aprender a superar todas as suas limitações agora do mesmo jeito que eu aprendi com as perguntas de coaching.

Em vez de ficar se perguntando o que tem de errado comigo, e sim, começar a fazer perguntas poderosas que vão projetar as ações (atitudes transformadoras) hoje mesmo!

Imagine você com todos os seus medos e receios superados e além disso, conquistando novas oportunidades que deixou para trás por estar paralisado por este medo.

Encontrar novos caminhos com metas claras, caminho definido e saber o tempo certo para conquistar seus objetivos é possível e qualquer pessoa pode conseguir, basta apenas ter força de vontade, comprometimento com você mesmo e responder as perguntas que vão te levar para a superação destes medos.

 

Qual é a sua escolha?

Ignorar? Fazer Sozinho? Ou ajuda para aprender a superar?

A escolha é totalmente sua. Manter os medos, tentar superar ou ter a certeza que vai conseguir os resultados e superação sobre estas dificuldades.

Como eu disse antes o meu maior medo é perceber que o tempo passou e não consegui contribuir em nada para ajudar as pessoas.

Eu superei este medo e estou ajudando muitas pessoas contribuindo para que cada um possa desenvolver o seu melhor e despertar o gigante que há dentro de cada um.

Se você quer ajuda para aprender a superar seus medos, ansiedades, receios e conquistar seus objetivos com mais clareza você pode agendar uma Sessão Experimental de Coaching Gratuita, sem risco nenhum, simples assim.

Toda superação começa com o primeiro passo e lhe dou os parabéns por isso.

Para você saber se a ferramenta do coaching é realmente a melhor opção neste momento, se isto fizer sentido para você, preencha o formulário aqui para agendar sua Sessão Experimental Gratuita e envie a mensagem dizendo “Vamos em frente”.

Não tem custo nenhum para você e a gente ainda continua amigo. Após preencher o formulário eu vou pessoalmente entrar em contato com você para fazer a sua Sessão Experimental de Coaching.

Gostou deste artigo? Espero que tenha feito sentido para você.

Se você souber de alguém, um parente, amigo, colega que estas informações serão úteis, compartilhe nas redes sociais, email, whatsapp e ajude a superar seus medos.

 

 

 

 

 

 

 

Comentários

Descubra como o coaching pode ajudar você a alcançar seus resultados